O Meu Barão tem observado com atenção o crescimento de um novo profissional de mercado: o “planejador financeiro” ou, rebatizado, “personal bolso”. A ideia é que, se você precisa de alguém para cuidar da sua saúde, no caso o “personal trainer”, por que não teria ajuda de alguém para tomar conta de sua vida financeira?

Muita gente boa em Finanças tem sido chamada para tirar famílias e micro empresários do vermelho. Embora o trabalho não seja regulamentado no Brasil assim como lá fora, o “personal bolso” presta uma certa forma de consultoria. Acompanha seus clientes para não errarem na mão.

O Meu Barão falou com alguns profissionais que atuam neste nicho. Dez dicas que valem a pena seguir:

1- Pode parecer óbvio, mas não gaste mais do que você ganhe. E se tiver que fazer alguma dívida, como prestação da casa própria, não compromenta mais do que 20 a 30% da sua renda livre.

2 – Não misture roupas suja da sua empresa com as despesas pessoais, de casa. Faça uma gestão separada, profissional.

3 – Os juros no Brasil são o caminho para o inferno. Pense nisto. Principalmente no crediário, cheque especial e rotativo do cartão de crédito. Livre-se desses encostos.

4- Ponha tudo na ponta do lápis. Faça planejamento financeiro, em uma planilha no computador ou em um simples caderno de anotação. De um lado, receita, quanto você ganha no mês. Do outro, despesas.

5 – Mapeie o que é despesa fixa, o que você tem que gastar todo o mês quer queira ou não. Como aluguel, luz, gás etc. E o  que é despesa variável, que pode aumentar ou diminuir. Supermercado, por exemplo.

6 – Vai às compras? Já sabe quanto pode gastar, o que cabe no orçamento?

7 – Compra de impulso. Tome muito cuidado para não ficar no vermelho.

8 – Troque a dívida com juro alto por uma menos dolorida. Sempre. Negocie com o seu gerente de banco para sair do cheque especial, por exemplo, em troca de um financiamento que caiba no seu bolso.

9 – Se você tem uma meta de gasto, qualquer que seja, uma viagem por exemplo, comece a se programar agora.

10 – E escolha a compra à vista em vez da parcelada. Pesquise, barganhe. Fará bem ao seu bolso e a sua alma.

Comente produtos e serviços dos cinco maiores bancos de varejo. Divida. Compartilhe. É só se cadastrar em www.meubarao.com.br